Q=K.A.I3,14=60.3,14.D²/4.8,14 ou 3,14=60.3,14.R²/2.R/2.8,14

Um coletor de esgoto pode ser definido como a tubulação subterrânea da rede coletora que recebe volume de esgotos em qualquer ponto ao longo de seu comprimento, sendo dimensionado de modo a garantir o escoamento livre.

Suponha que um coletor de esgoto tem declividade de fundo de 0,06 m/m e transporta uma vazão de 8,14 m³/s, escoando à meia seção. Nessa situação, calcule o diâmetro desse coletor , considerando um modelo hidráulico hipotético que rege o escoamento em canais dado pela equação:

Q = K . A . Rh . I,

em que Q é a vazão medida em m³/s, A é a área molhada medida em m², Rh é o raio hidráulico medido em m e I é a declividade do canal medida em m/m. Em seus cálculos, considere que o coeficiente de rugosidade da tubulação K = 60 e que 𝜋 = 3,14.

Resposta

A área molhada a do escoamento á meia seção do canal circular é dada por;

A=π.D²/8 ou A=R² 2/2.

O perímetro A do escoamento à meia seção do canal circular é dado por;

P=π.D/2 ou P=?R.

O raio hidráulico é definido como a relação entre a área molhada e o perímetro molhado e é dado Rh=A/P=D/4 ou Rh= R/2.

Substituindo-se os dados na expressão hipotética apresentada para o escoamento em canais:

Q=K.A.I3,14=60.3,14.D²/4.8,14 ou 3,14=60.3,14.R²/2.R/2.8,14

O Resultado é:

1 curtida

50